Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Wiki

“A pele do futuro”, novo álbum de Gal Costa, com lançamento para setembro, tem direção artística de Marcus Preto e produção musical
de Pupillo. Inspirado pela black music dos anos 1970, o disco tem canções inéditas de Gilberto Gil, Adriana Calcanhotto, Emicida, Djavan, Guilherme Arantes, Hyldon, Nando Reis, Erasmo Carlos, Silva, Jorge Mautner e participações especiais das cantoras
Maria Bethânia e Marília Mendonça.
“Gal completou 53 anos de carreira e, embora tenha seu espaço garantido entre os maiores nomes da história da cultura brasileira,
nunca se aninhou no travesseiro das certezas conquistadas. Ao contrário, foi e voltou no tempo muitas vezes, vasculhando na própria história qual de suas cicatrizes poderia melhor contribuir à tradução daquele exato instante: o presente. Nesse disco, ela aprofundou essa investigação. Que vozes de sua voz precisariam
ser acessadas, que outras teriam de ser criadas, inventadas, aprendidas. Filha e mãe de todas as vozes. A Pele do Futuro é, portanto, um álbum que em que se fazem presentes e atuantes as
galcostas de todos os tempos. Tão variadas quanto exuberantes: fatais, legais, índias, tropicais, profanas, plurais, estratosféricas. De
ontem, hoje e de além.”, diz Marcus Preto.

Fonte: Biscoito Fino.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls