Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar
Descartar

As your browser speaks English, would you like to change your language to English? Or see other languages.

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

RAC é um projeto do produtor e multi-instrumentista luso-americano André Allen Anjos. André nasceu no Porto (Portugal) e desde 2005 que mora em Portland, Oregon, EUA. O projeto RAC foi fundado em 2007.

O nome provém de "Remix Artists Collective", embora, hoje em dia, se trate de um projeto a solo. Como indica o nome por extenso, RAC é conhecido pelos seus remixes, que vão desde temas de Katy Perry a Bloc Party, passando por Penguin Prison (com quem, de resto, já colaborou em 2012, num dos primeiros temas originais do projeto RAC, "Hollywood"). Os seus remixes podem ser definidos como dance music que não soa a dance music.

Em 2013, RAC lançou o EP "Don't Talk To", que inclui "Let Go", tema com as contribuições vocais de Kele e MNDR.

"Let Go" foi igualmente incluído no primeiro álbum de RAC, "Strangers" (2014), que inclui também participações de artistas como Tegan and Sara, Tokyo Police Club, St. Lucia, YACHT e Matthew Koma.

Em 2015, lançou vários singles "soltos", como "Magic Hour", que conta com a participação vocal de Little Boots.

O remix de RAC para "Say My Name", da banda Odezsa, foi nomeado para a categoria de Melhor Gravação Remixada Não-clássica da edição de 2016 do(s) Grammys. E como à segunda é de vez, André finalmente venceu esse mesmo pré|êmio, mas na edição seguinte do(s) Grammys, com o seu remix para Tearing Me Up (Tearing Me Up (RAC Mix)), da dupla canadense/canadiana Bob Moses. André tornou-se, assim, a primeira pessoa de nacionalidade portuguesa a ser premiada com um Grammy (não Latino).

A sonoridade de RAC pode ser definida como ficando algures entre a synth-pop, a indietronica e o nu-disco, com samples de drum machines, sintetizadores analógicos e refrões melodiosos, fugindo, no fundo, ao óbvio, fazendo passar até alguma sensação de candura e destacando quase sempre a emoção.

Website: http://rac.fm/

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Atualize agora

Artistas parecidos

Atrações em destaque

API Calls