Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar
Descartar

As your browser speaks English, would you like to change your language to English? Or see other languages.

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

  • Anos de atividade

    2003 – até o momento (17 anos)

  • Local de fundação

    Salvador, Bahia, Brasil

  • Membros

    • Pitty (2003 – até o momento)

Pitty nasceu em 07 de outubro de 1977, em Salvador, Brasil. Aos 11 anos ela ganhou seu primeiro violão e aos 16 montou sua primeira banda, “Shes”, na qual tocava bateria e que durou cerca de um ano. Em 1995 Pitty começou a trabalhar em um estúdio musical em Salvador. No ano seguinte passou a integrar a banda de hardcore Inkoma como vocalista.

Em 1998 o Inkoma gravou uma faixa num CD tributo aos Ratos de Porão e, nessa ocasião, a banda conheceu o produtor Rafael Ramos, que veio a produzir e lançar o disco “Influir”, em 2000, pelo selo Tamborete. No ano seguinte o Inkoma chega ao fim.

Com material acumulado, Pitty assina com a gravadora Deck, em 2002, e lança seu primeiro disco solo, "Admirável Chip Novo" (Deck - 2003). Músicas como “Máscara”, “Teto de Vidro”, “Equalize”, “Admirável Chip Novo” e “Semana que Vem” fizeram o sucesso do álbum, que terminou o ano com um Disco de Platina (250 mil cópias vendidas), o prêmio de “Revelação” no Prêmio Multishow de Música Brasileira e o clipe da faixa-título como o mais pedido da MTV. A cantora também levou pra casa os dois principais prêmios do VMB 2004: "Escolha da Audiência" e "Clipe de Rock". No mesmo 2004 lançou o DVD documental "Admirável Vídeo Novo" (Ricardo Spencer), com cenas de bastidores, videoclipes, shows e gravações inéditas em estúdio.

Mais um ano, mais um disco: "Anacrônico" (Deck – 2005), que teve vários sucessos, entre eles “Na sua Estante”, “Memórias” e “Déjà Vu”. Com esse álbum Pitty ganhou mais VMBs: " Ídolo", "Vocalista da Banda dos Sonhos" e "Performance ao Vivo" (na premiação de 2005) e "Melhor Clipe de Rock", "Melhor Fã - Site", "Vocalista da Banda dos Sonhos" e "Escolha da Audiência" (na premiação de 2006).

Em 2006 tocou no "Rock in Rio Lisboa", na mesma noite de Roger Waters e Red Hot Chilli Peppers.

Em 2007, Pitty e banda gravam no Citibank Hall o primeiro projeto ao vivo, “{Des}Concerto”, lançado em setembro do mesmo ano, e fazem dois shows no Japão. Nesse ano, Pitty recebe mais dois prêmios no VMB: “Clipe do ano” e “Vocalista da Banda dos sonhos”, esse pela terceira vez consecutiva.

Em fevereiro de 2008, Pitty ganha o prêmio inédito “Celular de Platina”, pela venda de mais de 200.000 aparelhos de celular Nokia/Motorola com o conteúdo do DVD “{Des}Concerto ao Vivo”. E mais um VMB; na categoria “Melhor Show do Ano”.

No ano seguinte Pitty lançou “Chiaroscuro” que trouxe o mega-hit “Me Adora”. Em seguida, saiu o DVD “Chioroscope”, um registro das gravações no estúdio Madeira e que rendeu o título de “Melhor DVD” no Premio Multishow de Música Brasileira de 2010.

Voltando ao cenário do emblemático Circo Voador no Rio de Janeiro, Pitty gravou em dezembro de 2010 o DVD ao vivo “A Trupe Delirante no Circo Voador” (Deck/2011). Nesse mesmo ano, ela ganhou o VMB na categoria “Rock”.

No final de 2011 lançou, também pela Deck, o projeto Agridoce. Fruto de composições feitas despretensiosamente nos intervalos das turnês, o Agridoce traz a cantora no piano e o guitarrista Martin no violão. Com músicas mais leves e delicadas do que o trabalho com a banda completa, Agridoce emplaca o sucesso “Dançando” e sai em turnê pelo Brasil.

Em 2014 lançou “SETEVIDAS”, com o hit “Serpente”. Saiu em turnê pelo Brasil até meados de 2015 quando engravidou e teve que dar uma pausa nos trabalhos.

Em 2017 Pitty passou a ser apresentadora do programa Saia Justa e gravou com Elza Soares a música de sua autoria "Na Pele", que teve um clipe muito especial dirigido por Daniel Ferro.

Em 2018 Pitty lançou "Contramão", com participações de Tassia Reis e Emilly Barreto, da banda Far From Alaska, e "Te Conecta". Nesse mesmo ano Pitty estreou a turnê Matriz, com a qual está rodando o Brasil, e lançou em 2019 Pitty o "MATRIZ", álbum de inéditas.

Integrantes:
Pitty - vocais
Martin Mendonça - guitarras e backing vocals
Guilherme Almeida - baixo e backing vocals
Paulo Kishimoto
Daniel Weksler - bateria

Ex-integrantes:
Luciano Granja - guitarras
Peu Sousa - guitarras e backing vocals
Joe - Baixo e vocais
Brunno Cunha - teclados
Duda Machado - bateria

Discografia:
(2003) Admirável Chip Novo
(2005) Anacrônico
(2007) {Des}concerto
(2009) Chiaroscuro
(2011) A Trupe Delirante no Circo Voador
(2014) Setevidas
(2019) MATRIZ

Videografia:
(2004) Admirável Vídeo Novo
(2005) Anacrônico
(2007) {Des}concerto
(2009) Chiaroscope
(2011) A Trupe Delirante no Circo Voador
(2015) Pela Fresta
(2016) Turnê SeteVidas

www.pitty.com.br

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Atualize agora

Artistas parecidos

Atrações em destaque

API Calls