Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Wiki

Paulo Gracindo E Clara Nunes - 1974 - Brasileiro Profissão Esperança, Show Teatral em memória de Antonio Maria (1921 – 1964) e Dolores Duran (1930 – 1959), gravado ao vivo no Canecão, lançado pela Odeon do Brasil:

Lado 1
01 - Ternura Antiga (J. Ribamar – Dolores Duran)
02 - Depoimento Introdutivo do Show Por Paulo Gracindo Sound3
03 - Ninguém me ama (Fernando Lobo – Antonio Maria)
04 - Valsa de uma cidade (Ismael Neto – Antonio Maria)
05 - Menino grande (Antonio Maria)
06 - Estrada do sol (Antonio C. Jobim – Dolores Duran)
07 - A noite do meu bem (Dolores Duran)
08 - Manhã de carnaval (Luiz Bonfá – Antonio Maria)
09 - Frevo número dois do Recife (Antonio Maria)
10 - Castigo (Dolores Duran)
11 - Fim de caso / 12 - Por causa de você (Antonio C. Jobim – Dolores Duran)

Lado 2
01 - Pela rua (J. Ribamar – Dolores Duran)
02 - Canção da volta (Ismael Neto – Antonio Maria)
03 - Suas mãos (Antonio Maria – Pernambuco)
04 - Solidão (Dolores Duran)
05 - Se eu morresse amanhã (Antonio Maria)
06 - Noite de paz (Durando)

“Brasileiro, Profissão Esperança” foi originalmente escrito em 1966 por Paulo Pontes, um dos mais férteis escritores brasileiros, autor da série de TV “A Grande Família” e do drama “Gota d’água”. Em decorrência das inúmeras transformações político-sociais ocorridas no Brasil ao longo dos anos, a peça teve várias montagens, a primeira temporada, em 1970, foi interpretada por Maria Bethânia e Ítalo Rossi, com direção de Bibi Ferreira.

Em 1974, quando voltou a cartaz, ocorreu sua principal temporada, estrelada por Paulo Gracindo e Clara Nunes, com estreia em 12 de setembro de 1974, Brasileiro, Profissão Esperança se tornou o espetáculo que por mais tempo ficaria em cartaz no Canecão. Por sete meses e meio, o espetáculo, em mais de uma centena de apresentações foi sucesso de bilheteria e crítica.

Paulo Gracindo e Clara Nunes contaram a história de Dolores Duran e Antônio Maria. Acompanhados da Grande Orquestra, com texto de Paulo Pontes, e direção de Bibi Ferreira.

A montagem do texto de “Brasileiro Profissão Esperança” se apoia no permanente cruzamento dessas duas vidas, de tal forma que ninguém sabe o que é de Antonio Maria e o que é de Dolores. Uma crônica de Maria vira um dado para explicar a existência de Dolores, assim como uma canção de Dolores exprime e sensibilidade de Maria.

O Sucesso foi tão grande que a casa de shows Canecão presenteou Paulo Gracindo e Clara Nunes com dois automóveis da marca possante, que eram os carrões da época.

Naquele tempo a tecnologia de transmissão de vídeo não havia sido desenvolvida, para a execução do espetáculo foram produzidos filmes de 35 milímetros, que projetados em telões laterais, com dois aparelhos cinematográficos, criaram um espaço cênico nunca visto antes.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls