Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

  • Data de nascimento

    4 Maio 1979 (idade 39)

  • Local de nascimento

    Noisy-le-Sec, Seine-Saint-Denis, Île-de-France, França

Os braços frágeis empunhando um violão poderiam dar a entender que Pauline Croze vem da família das Jane Birkin e das Carla Bruni, de vozes diáfanas e timidez nos acordes. Mas é justamente o contrário, um timbre intenso, levemente velado, rouco, grave, sensual, que atravessa o primeiro álbum, que leva o seu nome, lançado em 2005. Uma maravilhosa poesia muitas vezes realista, feita de cicatrizes, dores e alegrias, de histórias de seres que sofrem. Baladas e canções nunca melosas marcadas por uma guitarra bruta, seca, em melodias cheias de ritmo nas quais se mesclam “síncopes africanas, sensualidade brasileira, orgulho andaluz, embalo jamaicano e um toque de saudade cabo-verdiana ”, segundo Édith Fambuena, que fez os arranjos e dirigiu esse primeiro disco.

Bem antes desse disco, Pauline Croze tinha sacudido as salas de toda a França. Palcos onde seu talento, como o de Camille, brilha à luz do dia. Assim, nenhuma das duas esperou a saída de seus discos para se tornarem conhecidas. O “de boca-em-boca” e a multiplicação do número de shows fez com que se tornassem conhecidas. Hoje, as duas viajam pelo mundo com o programa “Génération Musiques”, da Associação Francesa de Ação Artística (AFAA), na Argentina e no Brasil em abril de 2006 para Camille, no Brasil, no Haiti e no México para Pauline Croze de abril a junho (e também na Europa, no Líbano e nos Estados-Unidos).

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

Links externos

API Calls