Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

Nascida em 1997, Monna Brutal cresceu na ZN de São Paulo no bairro de Jova Rural, onde morou até os 10 anos de idade com seus pais. Desde seus 8 anos já tinha envolvimento com danças urbanas em sessões que aconteciam na quebra e reunia pessoas pra realizar workshops coletivos de Break. Exatamente aos 10 compôs seu primeiro som, sem instrumental como acompanhamento, e da vertente do forró, pelo fato de também participar de rodas de repente desde criança com vizinhxs da rua. . .
Iniciou alguns cursos de instrumentalização como bateria, violão e teclado mas, sem concluir por famosos imprevistos da vida.

Então proximo aos 11 anos de idade em 2008 despertou paixão pela escrita de contos literários, e escreveu um livro autobiográfico a qual não publicou por levar tudo isso como algo a se fazer em ''horas livres''….
E ao mesmo tempo já se iniciava no hip-hop frequentando rodas de freestyles da região.
E nesse meio tempo também participou de alguns Bondes de Funk!!!
Tempo passou, e a paixão pela arte de rimar foi crescendo.
E em 2014 começou a conhecer mais o movimento ao redor da cidade, e frequentar outras batalhas de hiphop ao redor de SP. Então, pisou seriamente no palco pela primeira vez ao lado de ''Issa Paz'' como apoio, e em 2016 iniciou a carreira solo.

Seu primeiro registro virtual foi ainda se apresentando como ''TflowMc'' na ''Cypher Seleção Brasileira de Rimas Prod. Bruna Muniz'', com participação de Bruna Muniz, Odisseia das Flores, Omnira.

No tempo entre 2016 e 2018 ançou uma serie Limitada de um EP experimental, com 3 faixas. Porém, somente nas ruas.

Incluindo o primeiro som gravado em Studio na instrumental de Tony Sagga em Sanatório Prod. Que foi também o primeiro clipe, produzido por ''Cortesia Urbana''. A faixaera intitulada, ''diz que não dá''.

''Omnire-Se'', que é uma participação na faixa de OMNIRA, que saiu no CD ''Grito de Liberdade'' no beat de ''Dj Neew de Omnira''
Lançado em 2017.

E a faixa carapuça, que é uma instrumental experimental.

Já foi organizadora da ''Batalha do Jaçanã'' na ZN de SP em 2017 também.

E em março de 2018, Monna participou do som ''Homenagem de Março'', que conta com a participação de Issa Paz, Karol de Souza, Sara Donato, Bivolt. Lançado no ultimo segundo de março, na instrumental do Vibox, e clipe produzido por Ganga Prod.

E então no mês de maio do mesmo ano, por conta de uma transformação em seu novo trabalho todo conteúdo da página do YouTube foi excluído para a chegada de novos trabalhos. E então no dia 31, o single ''11/11'' foi lançado pelo Youtube. Na intrumental de ''Zrock'' que também produziu todas as faixas do primeiro CD, desde instrumental à mix/master.

Atualmente se apresenta frequentemente em SP, e trabalha na construção do seu primeiro CD, intitulado ''9/11''.

Que é um dos lançamentos mais aguardados e pedidos. Por se tratarem de um pouco mais de uma década de trabalho na em pró da arte porém pouquíssimos registros na rede por enquanto, muitxs esperam anciosxs para a chegada desse trabalho nas ruas.
Que também estará disponível em todas as Plataformas.

Ela promete enlouquecer mentes, e ressignificar assuntos.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Atualize agora

Artistas parecidos

Atrações em destaque

API Calls