Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

  • Anos de atividade

    1993 – até o momento (24 anos)

  • Local de fundação

    Sandefjord, Vestfold, Noruega

  • Membros

Depois de vários projetos como Dimension F3H da parte do Morpheus e das participações sempre bem sucedidas do Dæmon em Zyklon e em SiriuS ao fim destes anos de silêncio umm tanto quanto sepulcral a dupla retorna a pegar nos instrumentos e oferecer mais uma obra de música transcendental e cósmica sempre com a aura maléfica a sobrevoar os céus limbônicos.
O álbum começa com a violenta "A Cosmic Funeral of Memories" que nos traz a memória o passado brilhante dos noruegueses e mostra que a banda não perdeu as suas qualidades.
O esplendor cósmico da banda continua vivo o que lhes confere a tal aura magica que se sente ao ouvir os albuns desta poderosa banda, poucas bandas deste gênero conseguem captar com tanta emoção todo este emaranhado de sensações.
Momentos quase Doomicos como o que se ouve no tema "Grace by Torments" chegam a arrepiar.
Mas para além disto a violência cósmica é sempre uma constante riffs sônicos e hipnóticos acompanhados por um excelente trabalho vocal a cargo do Dæmon chega a ser impressionante ou não fosse ele um dos melhores vocalistas do Black Metal até hoje.
Ouvir o homem/demônio a dar essência a temas como "Infernal Phantom Kingdom", "Legacy of Evil" ou o "Lycanthropic Tales" provocam sensações a quem ouve.
A mistura de extremo com a sonoridade classica é algo que sempre foi muito bem trabalhado pela banda e este album acaba por reacender de novo a chama.
Bastante superior ao último album que a meu ver foi pouco desenvolvido e feito muito em cima do joelho.
Neste a arquitetura sonora foi algo bem mais trabalhada e desenvolvido o que acaba por o tornar uma obra de arte muito interessante de ouvir e descobrir e comparável ao clássicos criados pela dupla no passado.
Mas chega de letras ouçam-no que merece uma escuta atenta da vossa parte nem que seja por mera curiosidade já que esta sempre foi uma das bandas mais geniais saidas até hoje da gélida Noruega.
As "Seven Doors of Death" estão de novo abertas apenas falta o regresso do Imperador porque o reino parece de novo conquistado.
Para finalizar em poucas palavras bem-vindos a "Twilight Zoneeeeee….."

Editar esta wiki

Não quer ver os anúncios? Assine agora

API Calls