Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

Juliana Sampaio é uma cantora, compositora, percussionista, dançarina e produtora brasileira. Criada no Rio de Janeiro, Juliana começou a cantar informalmente em festinhas infantis e karaokes aos 8 anos de idade, mas quando mais velha passou por algumas dificuldades para conquistar seu sonho.

Aos 13 anos começou a vender coxinha na praia de Copacabana para pagar por conta propria um curso de DJ, sendo que no mesmo ano passou a compor suas primeiras canções. Em 2009 passou a discotecar em importantes casas noturnas do Rio de Janeiro e Niteroi como a Le Boy, sendo a mais jovem DJ do ramo, além de passar a produzir faixas para cantoras de balada. Também formou-se como bailarina após 7 anos de aulas pagas por sua vizinha Margarida como caridade.

Ainda em 2009 passou novamente por dificuldades quando sua família foi despejada da casa onde moravam há 20 anos por atraso no aluguel, tendo que subir o morro para morar numa favela carioca. Porém novamente o destino lhe pregou uma peça quando seu barraco pegou fogo, mudando-se para uma cabana de palha e folhas de coqueiro a beira-mar que, infelizmente, foi inundada com a subida da maré de inverno. Após sua família conseguir uma casa de fundos emprestada atrás de uma fábrica de metanfetamina, Juliana foi posta para fora de casa quando seus país descobriram seu envolvimento com o tráfico de açúcar mascavo na fronteira do Uruguai, indo morar em um lixão, onde ficou conhecida como Juju da Latinha.

Em 2010, aos 16 anos, sua vida começou a mudar quando conseguiu gravar suas primeiras músicas e realizar uma turnê, que passou por baladas de todo sudeste do país. Devido ao sucesso assinou com a gravadora Red Hair Records, onde lançou seu primeiro álbum, Girl Diva, que teve como síngles Sapatão Culta, Viado Translocado, Meio Virgem e Piranha Honesta. Com o contrato, passou a ter dinheiro para alugar um apartamento em Ipanema, onde barrou a entrada de sua família e de sua antiga vizinha Margarida, de quem guardou rancor por mais de dez anos por ter lhe negado um prato de carne moída. Também foi aos Estados Unidos assistir a premiação do Grammy Awards, sendo convidada para cantar na festa pós-premiação.

Em 2011 passou por mais uma rasteira da vida ao ser demitida de sua gravadora após estourar nos jornais a noticia que havia dormido com seu produtor e com o marido da diretora da gravadora, acabando despedida e voltando para o lixão. Falida, endividada e sem dinheiro para manter a progressiva, Juliana se converteu e se tornou cantora evangélica, chegando a vender 100 mil cópias do polêmico disco Na Cama com Jesus, mas foi expulsa da igreja quando descobriram seu caso com 7 pastores.

Após se mudar para a Grécia trabalhar como dançarina de pole dance em uma churrascaria, conheceu o empresário grego Stravus Spankovrus, um dos herdeiros mais ricos do mundo, com quem se casou e retornou ao Brasil milionária, comprando a gravadora que antes a demitiu e lançando seu novo álbum O Mundo é um OB Usado.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Atualize agora

Artistas parecidos

Atrações em destaque

API Calls