Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar
Descartar

As your browser speaks English, would you like to change your language to English? Or see other languages.

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

  • Data de nascimento

    12 Junho 1991 (idade 29)

  • Local de nascimento

    Toronto, Ontario, Canadá

Jessie Reyez (12 de Junho de 1991) é uma cantora e compositora canadense. Nascida em Toronto, Ontario, filha de pais colombianos, começou a tocar violão quando criança e a compor suas próprias músicas no colegial. Depois de sua graduação, Reyez decidiu perseguir sua carreira na música enquanto fazia bicos para se sustentar. Em 2012, sua família se mudou para a Flórida onde ela começou a trabalhar como bartender, mas voltou para Toronto em 2014 após ser aceita na he Remix Project's Academy of Recording Arts. Onde foi mentorada por Daniel Deley e teve sua música ouvida por King Louie.

Em 2014 lançou, em conjunto com Louie, o single "Living in the Sky", seguido pelo segundo single, "It Hurts (Selena)", em 2015. No início de 2017, Reyez lança o single "Shutter Island" e realizou uma turnê como ato de abertura do PartyNextDoor. O single seguinte "Figures" atingiu um sucesso moderado e em Abril do mesmo ano, lançou "Kiddo", seu primeiro EP. Junto do EP lançou o curta chamado "Gatekeeper", que denunciava o sexismo e exploração na indústria musical. O curta foi baseado em sua experiência com o produtor Noel "Detail" Fisher, que foi acusado de assédio sexual por várias mulheres, incluindo a cantora Bebe Rexha.

O EP foi muito bem recebido por público e crítica, recebendo duas nomeações no iHeart Much Music Video Awards 2017, duas nomeações ao MTV Music Video Awards e quatro nomeações e uma vitória no 2018 Juno Awards. No final de 2017, Reyez assinou contrato com a Island Records. Em 2018 a artista lança "Being Human in Public", seu segundo EP, saindo em uma turnê pela América do Norte. O trabalho ganhou R&B/Soul Recording of the Year no Juno Awards 2019 e uma nomeação a Best Urban Contemporary Album no Grammy 2020. Ainda em 2018, colaborou com o rapper Eminem nas músicas Nice Guy" e "Good Guy" do álbum Kamikaze, ambas entrando no Billboard Hot 100.

Reyez participou como ato de abertura da cantora Billie Eilish na Where Do We Go? World Tour. Em Março de 2020, Reyez lança seu primeiro álbum: "Before Love Came to Kill Us". O disco conta com participações de Eminem e 6LACK, com uma edição deluxe incluindo três faixas a mais e as participações de Rico Nasty, Melii, JID e A Boogie wit da Hoodie. O disco foi bem recebido por crítica e público, garantindo 81 pontos no Metacritic e estreando na décima-terceira posição do Billboard 200. Muitos dos críticos disseram que o álbum mostrava a versatilidade da artista e a consolidava como um dos nomes mais interessantes do Pop atual, algo que já vinha sendo demonstrado desde o seu primeiro lançamento.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Atualize agora

Artistas parecidos

Atrações em destaque

API Calls