Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

  • Data de nascimento

    29 Janeiro 1947

  • Local de nascimento

    São Paulo, São Paulo, Brasil

  • Data de falecimento

    23 Abril 2017 (idade 70)

Jerry Adriani, nome artístico de Jair Alves de Sousa, (São Paulo, 29 de janeiro de 1947) é um cantor e ator brasileiro. Iniciou a sua carreira na TV Tupi de São Paulo como vocalista do conjunto 'Os Rebeldes'.
Desde pequeno cantava canções italianas ensinadas pela avó. Aprendeu a tocar acordeom e aos 11 anos começou a ter aulas de canto em conservatórios do interior paulista. Se apresentou em alguns programas de rádio no início dos anos 60, época em que adotou o nome artístico. Em 1962 entrou como crooner no conjunto Os Rebeldes, que se apresentou na TV Tupi. Gravou o primeiro disco, "Italianíssimo" em 1964, só com canções italianas, fazendo grande sucesso entre o público jovem. A fórmula deu tão certo que no ano seguinte a CBS lançou o LP "Credi a Me", com mais músicas italianas. A partir de 1966, com o lançamento de "Devo Tudo A Você", começou a desvincular sua imagem de cantor exclusivo de canções italianas. Nessa época, alguns dos maiores sucessos foram "Vivendo sem Você" e "O Homem Triste". Fez filmes para o cinema na época e ao estilo da Jovem Guarda, protagonizando "Jerry, a Grande Parada" e "Em Busca do Tesouro". Alternando entre o rock tradicional dos anos 50 e 60 e canções românticas, gravou dezenas de discos e atuou também como compositor. Mas seus grandes sucessos foram, em sua maioria, versões de canções norte-americanas e italianas, como "Querida" (versão de Rossini Pinto para "Don't Let Them Move", de Garret/ Howard) e "Um Grande Amor" (versão de Romeu Nunes para "I Knew Right Away", de Cogan/ Foster). Em 1990 gravou um CD só com músicas de Elvis Presley e em 1998 "Forza Sempre", com as músicas de Renato Russo, do Legião Urbana, seu discípulo vocal, vertidas para o italiano.

- Biografia/Resumo:
Começou a sua vida profissional em 1964, com a gravação do seu primeiro LP Italianíssimo, e no mesmo ano gravou seu 2º LP , Credi a Me. Em seguida no ano de 1965, grava Um grande Amor,, sendo o primeiro em português. Tornou-se apresentador do programa Excelsior a Go Go na antiga TV Excelsior (Canal 9), atual RedeTV! em São Paulo, junto com comunicador Luiz Aguiar, apresentava músicas dos Vips, Os Incríveis, Trini Lopez, Cidinha Campos, entre tantos outros. Entre 1967 e 1968, já na antiga TV Tupi, (Canal 4), atual SBT em São Paulo, passou a apresentar A Grande Parada, junto com grandes artistas, Neyde Aparecida, Zélia Hoffmann, Betty Faria e Marília Pera. Era um musical ao vivo que apresentava grandes nomes da música popular brasileira.
Como ator e cantor fez três filmes:
– Essa Gatinha a Minha - Com Peri Ribeiro e Anik Malvil.
– Jerry, A Grande Parada
– Jerry em busca do tesouro - Neyde Aparecida e os Pequenos Cantores da Guanabara, apesar do nome cantavam muito bem, atualmente, todos na faixa dos 40 anos.
Em 1969 Ganhou o titulo de Cidadão Carioca.
Foi responsável pela ida de Raul Seixas, para o Rio de Janeiro, amigos que eram desde a época que possuia uma banda em Salvador, chamada Raulziito e os Panteras, por três anos.
Entre as músicas que a banda tocou, ambas compostas por Raulzito, podemos citar:
- Tudo que é bom dura pouco;
- Tarde demais
- Doce doce amor.
Entre os anos de 1969 e 1971, Raul Seixas foi seu produtor, até iniciar a carreira solo.
Na década de 1970, fez shows na Venezuela, Peru, Estados Unidos, México, Canadá e outros países.
Em 1975, participou de um musical no Hotel Nacional, denominado Brazilian Follies, dirigido por Caribe Rocha, ficando um ano e meio em cartaz.
No começo da década de 90, gravou um disco que trazia de volta as origens do Rock in Roll, com o tema, Elvis Vive, tributo a Elvis, sendo este o 24º disco da sua carreira.
Em 94 a convite de Cecil Thiré, participou da novela 74.5 uma onda no ar, produzida pela TV PLUS e exibida pela Rede Manchete, exibida também em Portugal com grande sucesso .

- Premiações
Premio Sharp - Enquanto existia indicado quatro vezes, na categoria cantor popular.
1989 - LP MARCAS DA VIDA - melhor cantor
1990 - LP ELVIS VIVE - melhor disco e melhor cantor
1993 - LP DOCE AVENTURA - melhor cantor
1995 - LP RADIO ROCK ROMANCE melhor disco - melhor cantor

- Discografia
– Discos de carreira
TUDO ME LEMBRA VOCÊ (2000) • CD
FORZA SEMPRE - SUCESSOS DA LEGIÃO URBANA EM ITALIANO (1999) • CD
IO (1996) • CD
RÁDIO ROCK ROMANCE (1995) • CD
DOCE AVENTURA (1992) • Vinil
ELVIS VIVE (1990) • CD/Vinil
PARECE QUE FOI ONTEM (1989) • Vinil
JERRY ADRIANI (1988) • Vinil
OUTRA VEZ CORAÇÃO (1986) • Vinil
TEMPOS FELIZES (1985) • Vinil
PRA LEMBRAR NÓS DOIS (1983) • Vinil
JERRY ADRIANI (1980) • Vinil
JERRY ADRIANI (1977) • Vinil
JERRY ADRIANI (1975) • Vinil
JERRY ADRIANI (1973) • Vinil
PENSA EM MIM (1972) • CD/Vinil
JERRY (1972) • Vinil
JERRY ADRIANI (1971) • CD/Vinil
JERRY (1970) • CD/Vinil
JERRY ADRIANI (1969) • CD/Vinil
ESPERANDO VOCÊ (1968) • CD/Vinil
VIVENDO SEM VOCÊ (1967) • CD/Vinil
DEDICADO A VOCÊ (1967) • CD/Vinil
DEVO TUDO A VOCÊ (1966) • CD/Vinil
UM GRANDE AMOR (1965) • CD/Vinil
CREDI A ME (1965) • CD/Vinil
ITALIANÍSSIMO (1964) • CD/Vinil
– Coletâneas
20 SUPER SUCESSOS - JERRY ADRIANI (1997) • CD
20 SUPER SUCESSOS - VOL. II - JERRY ADRIANI (1997) • CD
20 PREFERIDAS - JERRY ADRIANI (1997) • CD

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls