Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

Elliott foi uma banda de Louisville. Kentucky, Estados Unidos. Eles lançaram quatro álbuns e muitos compactos (7") em seus oitos anos de existência, e tinham contrato com a Revelation Records.

Formação
O grupo foi formado em 1995 depois do sumiço da aclamada banda de Louisville Falling Foward. O baterista da FF, Ben Lord, logo saiu da banda, então o novo baterista, Kevin Ratterman, foi recrutado, juntando Chris Higdon (vocal/guitarra), Jay Palumbo (guitarra) e Jonathan Mobley (baixo). Ratterman (que foi também um produtor e um engenheiro) continuaria a desempenhar um papel importante na escrita e na produção da música do Elliott.

In Transit e US Songs (1997-1998)
Em 1997, Eliott lançou seu compacto de estreia, 'In Transit'. Em seguida, eles lançam seu primeiro álbum cheio, 'US Songs', em 1998.

False Cathedrals (2000)
O álbum de 2000, 'False Cathedrals', era algo mais polido que seu antecessor, com harmonias vocais e mais piano que US Songs. False Cathedrals é o trabalho mais popular do Elliott, sendo recebido com elogios pela crítica da comunidade underground do Rock. De acordo com a Revelation Records, "está entre os mais vendidos no catalogo do selo".
Pouco tempo após o acabamento do False Cathedrals, Palumbo e Mobley saíram da banda para se dedicarem em outros interesses musicais. Jason Skaggs assume o baixo, e Benny Clark, do Falling Forward, foi convocado para tocar guitarra. Clark foi volátil, efeitos de som pesado, continuaria a ter um impacto significativo na música do Elliott.

Song in the Air, saída de Skaggs e hiato (2003)
O terceiro álbum do Elliott, 'Song in the Air', foi lançado em 2003. Ficou marcado como mais uma mudança de estilo do grupo, incorporando mais influências de , bem como arrankos de cordas ao vivo pelo grupo de Louisville Rachel. O Pitchfork chamou Song in the Air' de "um registro mais dinâmico e coeso internamente do qualquer um dos esforços anteriores do grupo".
Skaggs saiu da banda pouco tempo após o acabamento do 'Song in the Air'. Ele foi substituído por Billy Bisig.
Logo após o lançamento do 'Song in the Air', Elliott anunciou sua intenção de se romper. Eles completaram as turnês finais da Europa e do Estados Unidos antes de se separar em novembro de 2003.

Póstumo
Um lançamento póstumo, 'Photorecording', contendo dois discos: um CD com canções ao vivo e um coleção de demos/b-sides, e um DVD com cenas ao vivo e um documentário sobre a turnê final nos EUA.

Membros do Eliott estiveram ocupados desde o fim do grupo. O cantor/guitarrista, Chris Higdon, está agora a frente da banda Frontier(s) ao lado de membros do Automatic, Mouthpiece, Enkidels, Stay Gold e outros. Benny Clark está tocando baixo em um grupo chamado Parlour. Kevin Ratterman trabalha num estúdio chamado The Funeral Home em Louisville - ele também tocou baixo no Your Black Star (2004-2005) e atualmente faz parte do do trio Wax Fang.

Revelation Records reprensou 'US Songs' em vinil de cor cinza para o Record Store Day 2011.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls