Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Wiki

O segundo álbum de estúdio da banda Dinamite Club, 'Nós Somos Tudo o Que Temos', faz referência a assuntos do dia-a-dia do jovem contemporâneo. Baladas, bebedeiras, séries de televisão, aplicativos de namoro e memes de internet, tudo cabe nas letras do grupo formado em 2010 pelos amigos, Bruno Peras (Voz / Baixo), Márcio Rodrigues (Guitarra), Leon Martinez (Guitarra) e Eric Matern (Bateria).

O disco de doze faixas, mixado e masterizado por Gabriel Scatolin, conta com a participação de Hélio Siqueira, da banda de hardcore Institution, nos vocais de “Não Seja Esse Cara”. Para o guitarrista Márcio Rodrigues, a mistura de estilos é natural. “Apesar de sermos uma banda de pop-punk, neste disco enxergamos coisas muito variadas, desde referências de bandas mais atuais como o The Story So Far e Four Year Strong, até levadas de punk rock e hardcore dos anos 90 como Lagwagon e No Use For a Name”, explica.

Márcio conta ainda que 'Nós Somos Tudo o Que Temos', é um vínculo musical que marca uma grande ligação entre os quatro melhores amigos. “Foram dezenas de ensaios madrugada a dentro, muito esforço e repetição para que chegássemos a um disco que amaríamos ouvir, das viradas de bateria às palavras dos versos. Discutimos cada detalhe, gravando demos, mudando tudo no ensaio seguinte, resgatando ideias antigas e por aí vai. Outro ponto legal de destacar foi a entrega de nós quatro na composição. Tem músicas de nós quatro no disco e todo mundo opinou em exatamente tudo”.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls