Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Wiki

Demi é o quarto álbum de estúdio da cantora norte-americana Demi Lovato. Foi lançado oficialmente em 14 de maio de 2013 pela gravadora Hollywood Records. Em alguns países da Oceania e Europa, o álbum foi lançado no dia 10 do mesmo mês. Vendeu 110 mil cópias em sua primeira semana nos Estados Unidos, dois mil a mais que a antiga melhor semana de vendas de Lovato, o que lhe rendeu uma estreia na terceira posição da Billboard 200. Demi também alcançou a primeira posição na parada de álbuns canadense.

Lovato começou a trabalhar no disco em setembro de 2012. Na época, ela cedeu algumas entrevistas nas quais comentou sobre o rumo que o trabalho estava tomando: "O álbum ainda será pop. Mas quero manter distância de EDM e dubstep. Eu gostaria de escutar instrumentos reais na rádio. Acho que há uma maneira de combinar isso com melodias cativantes. fun. faz isso bem, assim como Gotye e Taylor Swift". As novas canções, ela afirmou, seriam "menos dance-pop" que as de Unbroken, já que não considera que esse subgênero "expresse quem é musicalmente" e que pretendia lançar algo que as pessoas "pudessem ouvir por um tempo, não apenas uma tendência" e que tivesse "emoção".

Em 1 de abril de 2013, foi anunciado que o disco seria chamado apenas Demi, e sua arte da capa foi revelada; nela, Lovato é mostrada coberta com tinta corporal prateada. Demi trabalhou com compositores/produtores como The Suspex (Mitch Allan e Jason Evigan), Priscilla Renea, Ryan Tedder, Emanuel Kiriakou, Carl Falk, Rami Yacoub, Savan Kotecha, Ali Tamposi, The Monsters & Strangerz, Jonas Jeberg, Anne Preven e Matt Rad no projeto.

Em 6 de maio de 2013, Lovato pediu a seus seguidores do Twitter para "destravarem" a edição padrão do disco, colocando os títulos das músicas em hashtags. Um site especial lovaticsspeeduptime.com foi lançado, exibindo todas as canções ao lado de um relógio que era adiantado enquanto os tweets eram enviados. Os áudios eram então disponibilizados no YouTube - mais tarde no VEVO. Todas as canções foram desbloqueadas dentro de quatro horas.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls