Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Wiki

The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders from Mars (muitas vezes encurtado para Ziggy Stardust) é o quinto álbum de estúdio do músico britânico David Bowie. O álbum conta a história do alter ego de Bowie, Ziggy Stardust, um rockstar que age como um mensageiro de seres extraterrestres. Bowie criou Ziggy Stardust em Nova York, enquanto promovia Hunky Dory, e interpretou-o numa turnê pelo Reino Unido, Japão e América do Norte. O álbum e seu personagem ficaram conhecidos pelas influências no e pelos seus temas, que tratavam de exploração sexual e de visão de vida. Esses fatores, ao lado das ambiguidades que cercavam a sexualidade de Bowie, e corroborados pela performance inovadora de "Starman" no Top of the Pops, levaram o álbum a ter um caráter controverso e a ser considerado uma obra seminal.

O álbum apresenta, mesmo que vagamente, a estória do personagem chamado Ziggy Stardust. Ziggy é a manifestação humana de um ser alienígena que está tentando apresentar à humanidade uma mensagem de esperança nos cinco últimos anos de sua existência. Ziggy Stardust representa o rockstar definitivo: sexualmente promíscuo, selvagem no uso de drogas, porém portador de uma mensagem que, no fim das contas, é sobre paz e amor. Ele é destruído pelos consumos que faz e pelos fãs que inspirou. A personalidade de Ziggy foi inspirada pelo cantor de rock britânico Vince Taylor, que Bowie havia conhecido justamente após Taylor ter tido um colapso e começado a acreditar que era um cruzamento entre um deus e um alienígena; mas Taylor era somente parte do esboço do personagem: outras influências incluíam Legendary Stardust Cowboy e Kansai Yamamoto, que criou as roupas usadas por Bowie durante a turnê.

O álbum foi gravado nos estúdios Trident de Londres entre 9 de setembro de 1971 e 18 de janeiro de 1972, tendo sido produzido por Ken Scott e pelo próprio Bowie. Seu título teve como inspiração uma canção de 1967 pertencente ao repertório de The Rats, um dos primeiros grupos dos membros de The Spiders from Mars e cujo título era The Rise and Fall of Bernie Gripplestone. Este tema foi proposto pelo baterista da banda, John Cambridge, que posteriormente integraria o grupo de Bowie, até que em 1970 foi substituído por Woody Woodmansey. Musicalmente, o disco marcou uma diferença do rock que predominava no final dos anos 1960 e no começo dos anos 1970, com grandes desenvolvimentos e solos de guitarra, recebendo em troca influências de outros grupos que Bowie admirava, como T. Rex, The Stooges e The Velvet Underground. O som da guitarra de Mick Ronson evocava os guitar heroes da época, mas acrescentando mais dinamismo. Na parte vocal, Bowie enfatizou o dramatismo, tomando como referência as canções de Jacques Brel.

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Assine agora

API Calls