Reproduzindo via Spotify Reproduzindo via YouTube
Saltar para vídeo do YouTube

Carregando o player...

Scrobble do Spotify?

Conecte a conta do Spotify à conta da Last.fm e faça o scrobble de tudo o que você ouve, seja em qualquer app para Spotify, dispositivo ou plataforma.

Conectar ao Spotify

Descartar

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Wiki

  • Data de lançamento

    11 Dezembro 2020

  • Duração

    15 faixas

ALICIA (estilizado em letras maiúsculas) é o sétimo álbum de estúdio da cantora e compositora norte-americana Alicia Keys, lançado em 18 de setembro de 2020 pelo selo da RCA Records. Foi precedido pelo singles "Show Me Love", "Time Machine, "Underdog", "Good Job", "Perfect Way to Die", "So Done" e "Love Looks Better".

Previsto inicialmente para ser lançado em 20 de Março, o álbum teve sua data de lançamento alterada para 15 de Maio, mas em razão da pandemia do COVID-19, seu lançamento foi novamente adiado. Uma nova turnê mundial chamada "Alicia - The World Tour" estava prevista para começar em 2020 mas devido a pandemia também teve que ser adiada.

Logo após sua participação como apresentadora na 61ª edição do Grammy Awards em 10 de Fevereiro de 2019 lançou o single "Raise a Man" mas nada foi divulgado se faria ou não parte do próximo álbum. Em 17 de Setembro lança "Show Me Love" em parceria com o cantor Miguel e confirmou ser o primeiro single de seu novo álbum. Em 20 de Novembro lançou um segundo single "Time Machine". Em 5 de Dezembro anunciava através da revista Billboard que seu novo álbum se chamaria ALICIA e seria lançado em 2020, descrevendo como "A melhor terapia que já teve". Em 11 de Janeiro de 2020 lançou um terceiro single "Underdog", descrito como "um tributo às populações marginalizadas". Em 21 de Janeiro através de suas redes sociais anunciava a capa e data de lançamento do álbum. Em 23 de Abril lançou um quarto single, "Good Job", para homenagear os profissionais que trabalharam na linha de frente e que arriscaram a vida atendendo pessoas com suspeita de Covid-19. Em 15 de Junho Alicia participou do "Tiny Desk Concert" (uma série de vídeos onde grandes artistas fazem apresentações acústicas no escritório da empresa em Washington, nos Estados Unidos) da NPR, onde performou seus sucessos e apresentou "Gramercy Park", uma nova música que também faria parte do novo álbum. Em 19 de Junho lança um quinto single promocional, "Perfect Way to Die", como resposta aos casos de brutalidade policial e racismo, que ocasionaram a morte de diversas pessoas negras e protestos da população nos Estados Unidos. Em 14 de Agosto Alicia lançou um sexto single, "So Done", em parceria com o cantor Khalid, descrito como "como acabar com a mudança para o bem dos outros e deixar de lado as ideias de qualquer outra pessoa sobre como sua vida deveria ser". Em 10 de Setembro lançou um sétimo single "Love Looks Better" e se apresentou no início da nova temporada de jogos da NFL, a NFL Kickoff, onde além de performar o novo single, também participou da cerimônia de abertura com o hino "Lift Every Voice and Sing", além de também anunciar um fundo de doação de 1 bilhão de dólares para apoiar empresas e comunidades de propriedade de negros.

Em 14 de Setembro, Alicia publicou um vídeo em suas redes sociais confirmando o lançamento do projeto para o dia 18 de Setembro.

Em entrevista a Zane Lowe para a Apple Music Alicia contou que o álbum é seu "favorito" até agora, pois mostra seu novo caminho de autodescoberta e que ele irá revelar "quem ela é e quem quer ser". A mesma afirmou: "Estou gostando de descobrir quem eu sou e quem quero ser, porque funciona para mim e estar realmente consciente de estar ciente de não cair no mesmo padrão a que sempre estou acostumado, de fazer as coisas porque é o que sempre foi feito". Sobre a experiência de trabalhar com diversos produtores e colaboradores durante o processo de construção do álbum, algo que ela não estava acostumada a fazer, ela disse: "Sempre foi difícil fazer essas colaborações, bem no início eu odiava muito e ficava muito incomodada. Mas com o tempo eu aprendi a gostar desse processo, porque tem algo muito louco entre o que eu trago e o que o outro traz, é uma junção de energias que se torna fascinante". E sobre o adiamento do álbum em razão da pandemia do COVID-19 concluiu: "Quanto mais tempo você passa com uma música, mais ela vai ganhando novos significados e mostrando diferentes lados seus. Especialmente com essa jornada de ‘ALICIA’ porque 2020 foi o ano mais imprevisível que nós já tivemos então todas as grandes ideias foram embora".

Através de suas redes sociais, a cantora revelou que a capa de ALICIA foi inspirada em obras do fotógrafo afro-americano Kwame Brathwaite e em um comunicado a imprensa explicou o titulo e conceito: "O álbum ALICIA é muuuuito loucccooooo!!! Estou tão animada para vocês ouvirem isso. Eu amo todos os lados. Eu amo todos os lados de mim que nos reflete, eu amo o quanto estou mais perto de mim. Quanto mais eu estou disposta a me familiarizar. Eu nunca percebi o quanto eu confiava em apenas um lado. Quanto escondi as partes que expressavam raiva, fúria, sensualidade ou vulnerabilidade. Eu tenho adorado conhecer todos os meus lados ao longo dos anos. E agora aqui estou totalmente ALICIA. Realmente, percebi que nunca fui completamente eu. Nunca fui tão completamente a ALICIA do que sou neste momento".

Editar esta wiki

Não quer ver anúncios? Atualize agora

Álbuns parecidos

Atrações em destaque

API Calls