Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

O *NSYNC foi uma famosa boy band formada em 1995, por Justin Timberlake, JC Chasez, Lance Bass, Joey Fatone e Chris Kirkpatrick em Orlando, Flórida, Estados Unidos porém lançada primeiro na Alemanha pela BMG Ariola de Munique, Alemanha. Venderam 60 milhões de álbuns pelo mundo.

No mesmo ano de 1995, Chris e Joey se conheceram nos Estúdios da Universal em Orlando, na Flórida. Os dois cantavam em atrações do parque e tornaram-se amigos. Enquanto isso, JC e Justin apresentavam o programa Novo Clube do Mickey, também em Orlando, junto com Britney Spears e Christina Aguilera, que também se tornariam cantoras famosas. Com o fim do programa, JC e Justin foram estudar música num colégio da cidade.

Chris, que não passou na audição para entrar para o grupo Backstreet Boys, teve a oportunidade, em 1995, de conversar sobre a formação de mais um grupo com Lou Pearlman (Empresário que formou várias boy bands na década de 90, dentre elas Backstreet Boys e *NSYNC) que disse que financiaria mais uma boy band se Chris achasse garotos jovens que cantassem e tivessem dispostos a fazer parte de um grupo. Chris ligou para Joey, falando sobre a oportunidade que estava aparecendo. Chris e Joey consultaram Lou Pearlman, para saber se ele não conhecia alguém. Lou Pearlman disse que tinha umas fitas do programa The Mickey Mouse Club e que Justin tinha chamado sua atenção. Logo Justin aceita fazer parte do grupo e recomenda JC para a formação da banda.

Mas, faltava uma voz grave (baixo) para que os vocais ficassem em harmonia. Inicialmente, o quinto membro foi Jason Galasso, porém, depois de vários ensaios, Jason decide sair do grupo alegando que o estilo do grupo não o agradava e não era sua pretensão ser um ídolo teen. Com isso, depois de várias audições para achar uma pessoa que o substituísse, Justin decidiu consultar seu professor de canto, que acabou indicando Lance, um garoto de 16 anos do Mississippi, que entrara para o grupo dias depois. O nome do grupo foi sugerido pela mãe de Justin, *NSYNC que é a abreviação de 'In Sync', que em português significa: Em Sincronia. Este nome, segundo a mãe de Justin, representa como a voz dos membros soa quando eles cantam. Há também uma suposta coincidência no nome, se for pego as ultimas letras dos nomes dos integrantes, pode-se formar o nome do grupo: JustiN, ChriS, JoeY, JasoN, and JC. Logo que Lance entrou no grupo, foi dado a ele o apelido de Lansten, justamente para corrigir a falha na formação do nome, deixando, assim, o nome do grupo formado só com os nomes dos integrantes efetivos.

A partir daí, Pearlman reuniu os garotos do *NSYNC para ensaiar canto e dança, constantemente, em uma casa de shows em Orlando, além de fazê-los ter os primeiros contatos com o público. Pearlman convidou Johnny Wright, empresário dos Backstreet Boys, para ser, também, empresário do *NSYNC. O grupo enviou duas demos que impressionou Wright. Logo em seguida, o grupo fez uma apresentação para Wright e os executivos da gravadora BMG. Apesar da gravadora ter tido uma certa cisma com o nome da banda e das habilidades de dança de Lance, eles aceitam fechar contrato com ela. Sendo assim, o *NSYNC assinara contrato com Wright, como sendo seu empresário, e a BMG Ariola de Munique, na Alemanha, sendo sua gravadora.

Seguindo a mesma estratégia dos Backstreet Boys, em 1997, o grupo lançou o primeiro CD homónimo: *NSYNC, na Alemanha. O grupo logo depois começou a fazer sucesso nos demais países. Com isso, começam a fazer turnês por estes países de língua alemã e tiveram uma boa vendagem de álbuns na Alemanha, Suíça e Áustria, e, logo depois, nas demais regiões da Europa. No ano seguinte, depois de um grande sucesso no velho continente, o *NSYNC conseguiu chamar a atenção de Vincent DeGiorgio, um "olheiro" representante da RCA Records. Depois de uma apresentação em Budapeste, na Hungria, ele os assinou na RCA e logo o *NSYNC chegou às paradas americanas e emplacou alguns sucessos, dentre os quais se destacam I Want You Back e Tearin' Up My Heart.

Depois de 9 meses do lançamento, o carisma dos garotos fez com que a gravadora investisse em um CD especial com músicas natalinas: Home for Christmas trouxe canções algumas das mais tradicionais, dentre elas The Christmas Song, The First Noel e Oh, Holy Night.

Em 2000, chegou ao mercado o segundo CD da banda No Strings Attached, que bateu recorde de venda com 2,4 milhões de discos vendidos na semana do lançamento. Por pouco, o segundo álbum do grupo não chegou às lojas. Uma briga judicial, entre a antiga gravadora, a BMG, e a Virgin, com a qual eles haviam assinado contrato, quase cancelou o lançamento do álbum. Este segundo trabalho foi considerado pela crítica um álbum equilibrado, com mistura de batidas dançantes, baladas e R&B. Os destaques foram Bye Bye Bye, Space Cowboy, com participação de Lisa “Left-Eye” Lopes, do TLC, No Strings Attached, que fala do problema com as gravadoras e This I Promise You.

Em 2001, o *NSYNC lançou Celebrity, que fazia críticas, elogios e brincadeiras ao mundo dos famosos. O single Pop estourou nas paradas de sucesso de todo mundo e o disco vendeu 1,8 milhões de cópias na primeira semana. Outras faixas de sucesso foram Girlfriend (que também trouxe uma versão com o rapper Nelly), Gone e Selfish. A ‘boy band’ foi uma das primeiras no mundo a utilizar a proteção anti-pirataria, na tentativa de manter a vendagem de seus discos anteriores. O fim do grupo se deu em outubro de 2002, com a saída de Justin consagrando-se como cantor solo.

Em 2005 foi lançada a coletânea Greatest Hits que trouxe os maiores sucessos do grupo e alguns remixes inéditos, porém nenhuma música para o álbum e nenhuma reunião inédita aconteceu desde então, onde se espera até hoje uma possível volta.

Editar esta wiki

Não quer ver os anúncios? Assine agora

Links externos

API Calls