Playing via Spotify Playing via YouTube
Skip to YouTube video

Loading player…

Scrobble from Spotify?

Connect your Spotify account to your Last.fm account and scrobble everything you listen to, from any Spotify app on any device or platform.

Connect to Spotify

Dismiss

A new version of Last.fm is available, to keep everything running smoothly, please reload the site.

Lyrics

Quando eu olho pra trás
Minha aparência é de um homem mais triste, mais velho
Quando eu olho pra trás
Vejo que muitos ficaram pra trás, não vieram
Quando eu olho pra trás
Vejo o poder da escolha
Muitos não quiseram
Mas aqui é o presente
Se cê quiser mudar
Então diga: Eu quero!

Abre a cela!
Pra nós não é pra sair, é pra entrar
Não é a tropa de choque
É a tropa que serve o Leão de Judá!
Vamo olhando no olho de cada ladrão
Sem medo de rebelião
De cela em cela
De facção em facção
Pega visão!
Bandido bom é bandido morto?
Eu não creio
Prefiro eles na cadeia
Porque, volta e meia
Nós vamo pregando ali no meio
Quando eu olho pra cada detento
Eu lembro que eu já fui desse jeito
Iludido
Através da minha vida
Família inteira passando veneno
Hoje mostro alternativa
O final não precisa ser esse moleque
Devolvemos expectativa
Pra quem já deixou de sonhar
Pra quem pensa que o crime é saída
Nós falamos bem alto
Esquece!
Anota
Jesus é a Vida
E dá liberdade antes do alvará
É escolha, cê que escolhe
É família ou revólver
Honestidade ou os malote
Luz e treva, vida ou morte

Lyrics continue below...

Don't want to see ads? Subscribe now

Escravo do mal por muito tempo
Fui considerado escória
Mas Cristo mudou a minha história
E através da minha vida hoje alcanço uma cota!

Eu entrei pelo dim, dim, dim
Só pensava em mim mim mim
Minha mãe e minha mina, na fila
Pra visitar com sacola pesada
Na cadeia eu aprendi
Que a vida não é Netflix
Alegria no crime, na vida real
Não dura duas temporadas
O crime não é a saída
E nunca será
Da escravidão da vida bandida
O advogado não vai te tirar
Jesus é a Vida
E dá liberdade antes do alvará
Ovelha perdida, afastada do Pai
É hora de voltar

A maioria da população carcerária é só molecote
O mano tirando cadeia no Sul
E a família morando no Norte
Sua família sofrendo
A família da vítima também sofreu
Sua mãe chora porquê cê tá preso
A mãe do moleque chora porque ele morreu
Cara e coroa
Toda moeda tem os dois lados
De um lado, assaltante me conta a história
Não posso esquecer do lado do assaltado
Errou, tem que pagar
Aqui ninguém vai dizer o contrário
A lei da semeadura é cruel
Dependendo do que foi plantado
Não gostou da colheita?
Então muda a semente
Tá osso o presente?
Quer sonhar com o futuro?
Então faz diferente
Bola pra frente!
O final não vai ser feliz como em Hollywood
Pra entrar, teve disposição
Pra sair, tem que ter atitude!
Atitude Deus teve!
Quando olhou pro bandido
Teve misericórdia e graça de sobra
Não dando o castigo que era merecido
Demonstrou Seu amor
Não poupou o próprio Filho
O Cordeiro que tira o pecado do mundo
Morreu por você, mas tá vivo!
Ele vive e fará de você uma nova criatura
Mesmo preso
Mas com sentimento que Cristo levou toda a culpa
Toda culpa. Sua culpa
Toda culpa!
Já não é mais culpado
Deve pra sociedade
Mas 'tando em Cristo
Diante do Pai não é mais condenado

Eu entrei pelo dim dim dim
Só pensava em mim mim mim
Minha mãe e minha mina, na fila
Pra visitar com sacola pesada
Na cadeia eu aprendi
Que a vida não é Netflix
Alegria no crime, na vida real
Não dura duas temporadas
O crime não é a saída e nunca será
Da escravidão da vida bandida
O advogado não vai te tirar
Jesus é a Vida
E dá liberdade antes do alvará
Ovelha perdida, afastada do Pai
É hora de voltar
Eu entrei pelo dim dim dim
Só pensava em mim mim mim
Minha mãe e minha mina, na fila
Pra visitar com sacola pesada
Na cadeia eu aprendi
Que a vida não é Netflix
Alegria no crime, na vida real
Não dura duas temporadas

Don't want to see ads? Subscribe now

Features

API Calls