Playing via Spotify Playing via YouTube
Skip to YouTube video

Loading player…

Scrobble from Spotify?

Connect your Spotify account to your Last.fm account and scrobble everything you listen to, from any Spotify app on any device or platform.

Connect to Spotify

Dismiss

A new version of Last.fm is available, to keep everything running smoothly, please reload the site.

Biography

É bomba atômica, é Tropical Indie, é carimbó do caralho. Do bolero ao brega, das flores à roda punk PsicoTropical, com 3 anos de carreira fervilhante e marcada por shows fortes, dançantes e autênticos, a Procurando Kalu pega fogo e joga o som, colocando a vibração na praça, florindo a pélvis, afirmando o palco como explosão do ser e transgredindo o gênero.

Criada em 2013 em Sobral, a Procurando Kalu tem entre suas influencias a sensação musical e criativa da década de 70 através do experimentalismo da música brasileira. Partindo da ousadia do Tropicalismo, passando pela diversidade musical do país em sua música tradicional popular, a banda cunhou um termo que pudesse identificar sua sonoridade: o Tropical Indie. Essa ideia perpassa todo o trabalho do grupo, das músicas aos figurinos, da escolha de ritmos à performance. O baião nordestino, o carimbó paraense, o brega abolerado, o rock experimental aqui se apresentam em roupas e cores, em corpo e movimento, em ritmos e canções, um pouco disso é experimentado no EP “Tá Na Cama”, lançado pela banda em 2015.

Prestes a lançar seu primeiro disco “Tropical Indie”, com produção de Yuri Kalil Alaia, contendo músicas inéditas, bem como as conhecidas e aclamadas pelo público de 4 anos de carreira, a banda propõe o show “PsicoTropical” que vem a criar, recriar, construir, desconstruir, transgredindo o gênero e levando para o palco a experiência de um show instalação com sua música florida e explosiva, colocando toda sua vibração na praça, como bomba atômica.

Edit this wiki

Don't want to see ads? Subscribe now

API Calls