Playing via Spotify Playing via YouTube
Skip to YouTube video

Loading player…

Scrobble from Spotify?

Connect your Spotify account to your Last.fm account and scrobble everything you listen to, from any Spotify app on any device or platform.

Connect to Spotify

Dismiss

A new version of Last.fm is available, to keep everything running smoothly, please reload the site.

O Vazio Dessa Noite - Lyrics

Dois tapas na cara, acordo, olho pro espelho e digo: vai
Esqueço o mundo la fora e me concentro pra não cair
Dias duros, respiro ar puro
Tento purificar minha alma que não tá aquilo tudo
Mas, acostumado aos socos da vida nem sempre
tranquila, é que na minha vila tudo é mais difícil
Os calos na minha mão mostram a vitoria e derrota
É caro o preço que se paga pra não ser mais um na roda
Eu culpo os outros pelos erros que fiz no passado
Talvez eu tava errado, e nunca me perdoe
Ainda lembro das noites em claro
E da raiva escrevendo "Ria agora e Chore Depois"
É pouca foda de lembrar e ruim de esquecer
As coisa que cê dominava dominam você
A cada erro as fraquezas ficam mais expostas
E quem jurava que amava me virou as costas
Olho pro lado e não vejo nada
Estrada árida e sem cor, me diz o que é mesmo amor?
Tudo isso é só uma prisão
Não tem outra opção, queria dizer não

Me sinto um rato na gaiola, com a plateia me olhando correr
E eu cansado nessa roda pique de morrer
Com o sorriso na cara que é pra inglês vê
Cicatrizes na alma que ninguém vai saber
Mano a muralha que eu fiz ta a ponto de ceder
Eu to usando frustração pra vender meu CD
A mente grita e o porque eu já deixei pra lá
Na certeza que essa fita nunca vai mudar
Porque no fundo eu não sinto mais nada
Minha alma tá gelada e a menta ta tao longe
E eu só penso "Stay cold, Stay cold"
Pra sobreviver ao vazio dessa noite
Olhos tristes de quem nasceu com a maldição
Foi a única opção, dia de retaliação
Olhei pro espelho e vi uma guerra interna
Santa Morte me proteja porque demônios me cerca

Aperta o cerco, sinto o medo, volta
Nessa dualidade fogo e fumaça sufoca
Eu juntei meus erros num caixão lacrado
Enterrei a sete palmos essa carta ao passado
E se cai, eu não fico de joelho lutando
Como Chris Kyle e os tiros serão certeiros
Esse corre é solitário mano
Piedade, confiança, ficam em segundo plano
Ás vezes sinto que tudo que eu amo
Me abandonou e deixou de existir
Yeah, tudo dissolve, nada resolve
E essa confusão foi eu mesmo que trouxe
E se o destino é implacável
Eu vou lutar a aprender a resistir
Eu tô sobrevivendo ao vazio dessa noite
Eu tô sobrevivendo ao vazio dessa noite

Writer(s): letodie

Don't want to see ads? Subscribe now

API Calls