Carregando o player...

Descartar

As your browser speaks English, would you like to change your language to English? Or see other languages.

Ao terminar o Jane’s Addiction, Perry Farrell passou a se dedicar a outras coisas como, por exemplo, a organização anual do festival de música Lollapalooza. Mas não conseguiu ficar muito tempo longe dos palcos. Em 1993, cerca de um ano depois do fim do Jane’s Addiction, Perry se juntou ao baixista Martyn Lenoble, ex-Thelonious Monster, ao guitarrista Peter DiStefano, além do baterista Stephen Perkins, seu companheiro de Jane’s Addiction, que estava tocando no Infectious Grooves. E assim formaram o Porno for Pyros.

A banda começou tocando em shows como a última edição do Woodstock e o próprio Lollapalooza. O som, no início, era pouco diferente daquele que fez do Jane’s Addiction uma das bandas mais festejadas da década de 80: original e enérgico. Farrell continuava misturando estilos e ritmos, combinando tudo com muita harmonia e ousadia. Basicamente, ainda era o hard-rock alternativo que caracterizou o Jane’s, com algumas poucas diferenças.

A formação que gravou o primeiro álbum Logo depois, ainda em 1993, a banda lançou seu primeiro disco, chamado apenas de Porno for Pyros, pela Warner Music. São várias canções com as características descritas acima, das quais se destacam Sadness,Porno For Pyros e Pets. Esta última é uma balada cativante, com uma letra bem irônica.

Depois de um período de descanso na ilha de Bali, na Indonésia, Perry Farrell volta cheio de inspiração, e resolve reunir a banda para a gravação de mais um álbum. Então, em 1994, eles se juntam no Shangri-La Studios, no estado americano da Califórnia, e depois de cerca de dois anos, em 1996, lançam o excelente álbum Good God’s Urge. Durante o demorado processo de gravação, o baixista Martyn Lenoble saiu da banda, e para seu lugar foi chamado Mike Watt. O disco conta ainda com algumas participações ilustres como baixista Flea do Red Hot Chili Peppers.

Claramente influenciado pelas viagens de Farrell ao redor do mundo (principalmente à lugares como Bali, Fiji e Tahiti), o disco foge da fórmula dos discos do Jane’s e do primeiro disco do próprio Porno for Pyros. Em vez de canções pulsantes e vigorosas, temos agora várias baladas e músicas mais calmas e "viajantes". Novos sons são adicionados na já vasta gama de instrumentos da banda. Ouve-se no disco pássaros cantando, o barulho do mar e outros sons da natureza, além de algumas batidas eletrônicas. Destacam-se várias lindas canções como 100 Ways,Wishing Well,Kimberly Austin e Bali Eyes, sendo que nessa última, Farrell canta sua então recente viagem a Bali.

Em novembro de 1997, o guitarrista Peter DiStefano foi diagnosticado com câncer. A banda parou sua turnê e o guitarrista começou a fazer tratamento, uma vez que o câncer ainda estava em seus estágios iniciais. Passado o problema, rumores garantiram a gravação de um novo álbum, e o próprio Farrell confirmou em uma rádio, mas até agora Good God’s Urge continua sendo o último álbum da banda.

Em 2006 e 2007 Perry e Peter se apresentaram no Festival Lollapalooza lembrando o passado com canções do Porno For Pyros.

Atrações em destaque

API Calls