Descartar

As your browser speaks English, would you like to change your language to English? Or see other languages.

Existe uma nova versão disponível da Last.fm, sendo assim, para manter tudo funcionando perfeitamente, recarregue o site.

Biografia

Brad Mehldau (Jacksonville, 23 de agosto de 1970) é um pianista de jazz norte-americano.

Brad começou a tocar piano aos 6 anos de idade e estudou piano clássico até os 14 anos de idade. Brad se apresentando com banda da escola, quando estudava na high school em Connecticut.

Estudou piano e composição na famosa Berklee College of Music e na New School for Jazz & Contemporary Music. Entre os seus professores estavam Kenny Werner, Junior Mance e Fred Hersch, este último sendo o que mais o influenciou.

Enquanto estudava na New School for Social Research, o baterista Jimmy Cobb o convidou para integrar seu grupo, Cobb’s Mob.

Mehldau tocou por dois anos com Joshua Redman, e depois com Charlie Haden, Lee Konitz, e gravou com Wayne Shorter, John Scofield e Charles Lloyd. Em 1995, Mehldau formou o próprio trio, com o baixista Larry Grenadier e o baterista Jeff Ballard.

Em 1997, gravou seu segundo disco, The Art of the Trio, o qual recebeu uma nomeação para o Grammy. Em 1998, Mehldau gravou a continuação, The Art of the Trio, Vol. 2, gravado ao vivo no Village Vanguard de New York. As principais influências são Franz Schubert, Oscar Peterson, Keith Jarrett Miles Davis e John Coltrane.

O estilo é muito comparado a Bill Evans, comparação que não o agrada, conforme explica em sua introdução a The Art of the Trio IV.

Nutre grande admiração pela música brasileira, em especial Milton Nascimento, Chico Buarque e Simone. Em 2006 apresentou-se no Auditório do Ibirapuera e declarou: Descobri Simone no ano passado e foi como conhecer Sarah Vaughan ou Dinah Washington. Ela tem uma identidade forte, canta com muita paixão e graça.

Editar esta wiki

API Calls