• Uma visão pontual

    22 Jun 2011, 12:32 by Nandoss

    Olhando para o passado é estranho contemplar o próprio amadurecimento. É uma mescla de vergonha, nojo, saudade e empatia. Diferente de relembrar, onde a nostalgia e ilusão criada pela distância embaça nossa visão, ter na sua cara as provas de quem você realmente era e quem você eventualmente se tornou é uma experiência quase que epifânica.

    Um exemplo está nos seus gostos. É sempre muito legal fazer aquelas viagens pelo túnel do tempo em que vangloriamos nossa infância, muitas vezes em detrimento da geração atual. Mas um observador mais diligente e curioso, que realmente se ponha a escavar tais relíquias encontrará, na melhor das hipóteses, piritas.

    Olhando para o meu gosto musical, que na época dos meus 7 até mais ou menos os 13 era basicamente inexistente, aquele caldeirão de sentimentos que citei inicialmente é nada mais que a ponta do iceberg do que me é evocado. Por exemplo, eu ouvia É O Tchan, não por prazer ou lazer, mas em festas e outros eventos sociais. …